Projetos Sociais

Programa Sindi Clube Aprendiz
Desde a inauguração de suas quadras de tênis o Clube de Campo de Piracicaba conta com a atuação dos "pegadores de bolas", porém, com o avanço da legislação foi necessário adequar suas atividades tornando o que chamamos hoje de aprendizagem profissional, para chegar nesse estágio foi necessária muita dedicação das Diretorias que administraram o clube e compreensão dos associados.
Antes de 1997 o clube realizava as contratações diretamente em seu departamento pessoal, mas partir desse ano(considerando principalmente a vigência do Estatuto da Criança e do Adolescente - ECA desde 1993), o CCP estabeleceu parceria com o CRAMI – Centro Regional de Registros e Atenção aos Maus Tratos na Infância, onde os profissionais da instituição (Assistente Social e Psicólogos) realizavam os encaminhamentos e acompanhavam o desenvolvimento social e profissional dos adolescentes integrantes do Projeto. No ano de 2004 realizou-se uma nova reestruturação para atender as prerrogativas da Lei 10.097/00 e o CRAMI designou uma Assistente Social para acompanhar os aprendizes diariamente em suas atividades no clube e também em curso profissionalizante, que na época acontecia em uma escola de formação profissional da cidade.
Em Maio de 2006 o CCP rompeu a parceria com o CRAMI e passou a desenvolver o Programa Aprendiz em Esportes, atualmente denominado Programa Sindi Clube Aprendiz, em parceria com a Universidade Sindi Clube de São Paulo, que elaborou um modelo próprio para atender as necessidades dos clubes e principalmente não contrariando a Lei 10.097/00.
Atualmente contamos com 15 aprendizes em nossas quadras, auxiliando os associados em seus jogos ou aulas de tênis e recebendo o acompanhamento profissional de uma equipe formada por 15 instrutores sob a coordenação de uma Assistente Social, porém, o projeto está mais amplo em suas atribuições, desde a formação dos aprendizes até a recolocação profissional dos mesmos após o cumprimento do contrato.
Os aprendizes realizam a atividade prática de terça a domingo com uma folga semanal em escala de revezamento aos finais de semana e a atividade teórica todas as segundas-feiras das 13h30 às 17h30, onde aprendem sobre o comportamento organizacional através das disciplinas de Relações Humanas, Atividades Administrativas, Orientação Empresarial, Saúde e Higiene no trabalho, além de Modalidades e Atividades esportivas.
Para se inscrever o adolescente precisa ter entre 14 e 15 anos e 11 meses e estar regularmente matriculado em escola pública ou particular com bolsa integral, na série condizente com sua faixa etária. As entrevistas de triagem são agendadas com a assistente social no período de Fevereiro a Março e o processo seletivo é composto pelas seguintes etapas: avaliação do boletim escolar, exame teórico (prova classificatória) e teste físico, o aprendiz que for aprovado em todas as etapas aguardará uma vaga condizente com sua disponibilidade de horário alternativo ao horário em que estuda.

Projeto Voluntários Nota 10
O Projeto Voluntários Nota 10 nasceu em 2008 a partir da constatação sobre o déficit escolar dos aprendizes, o que dificultava sua aprendizagem no ambiente teórico do programa, a partir dessa necessidade e a falta de profissionais que pudessem desenvolver esse trabalho, estendemos o convite aos associados que voluntariamente apóiam os aprendizes em suas atividades escolares (reforço das matérias) nos horários alternativos às suas atividades práticas nas quadras, dos voluntários surgiu a idéia de trabalharmos com olimpíadas de leitura e matemática e semestralmente organizamos esse evento com premiações para os que se destacam.

Campanha do Agasalho
O CCP promove anualmente a campanha de arrecadação de agasalhos com seus associados e colaboradores, uma parceria com o Fundo Social de Solidariedade que tem apresentado bons resultados.


Arrecadação de alimentos
Também na parceria com o Fundo Social de Solidariedade o CCP tem como prática a arrecadação de alimentos em alguns eventos esportivos, culturais e sociais, uma grande contribuição para a sociedade Piracicabana.


Natal Solidário
Final de ano é momento de festa, mas também de praticar atos de solidariedade, assim, desde 2008 os funcionários e outros colaboradores do CCP se unem com o objetivo de arrecadar brinquedos que são doados para crianças atendidas nas escolas municipais de populações carentes em Piracicaba, essas escolas foram escolhidas por indicação da Secretaria Municipal de Educação e o objetivo é oferecer uma festa de natal para as crianças que não teriam esse evento em seu calendário escolar e através dessa parceria também atendemos instituições como Lar Aconchego, Lar Franciscano para menores e Casa de Acolhimento.


Eventos para funcionários
As práticas de responsabilidade social do CCP iniciam com sua equipe de colaboradores, o Serviço Social e o Depto. de RH seguem um calendário de eventos e palestras que são organizadas especialmente para motivar e valorizar sua equipe de trabalho. Estão em nossa programação atividades especiais como: Comemoração aos aniversariantes do mês, Dia Internacional da Mulher, entrega de ovos de páscoa, Dia do Trabalhador, Homenagem às Mães, Homenagem aos Pais, SIPAT (Semana Interna de Prevenção de Acidentes no Trabalho), Comemoração ao dia das crianças para os filhos dos funcionários e festa de confraternização de final de ano, além de palestras informativas periódicas com assuntos relacionados à saúde e qualidade de vida.